quarta-feira, março 02, 2011

"Probabilidade de Amar "



A maior duvida de amar alguém, creio eu que seje a duvida de muitas  pessoas que estão iniciando um relacionamento ou estão criando em si próprio um amor pela outra pessoa.
Na minha Metodologia o Amor é 100 % , e faze se uma conjuntura com duvidas, medo, ilusão, coragem e ação ultima  delas para se pensar em tomar qualquer atitude. Penso comigo que seje dessa maneira:

Medo –------------------------------------------- 30%
Duvida –----------------------------------------- 30%
Ilusão -------------------------------------------- 20%
Coragem –--------------------------------------- 15%
Ação –--------------------------------------------- 5%

Talvez você me pergunte porque falar sobre a probabilidade do amor? E porque essas cores?
Começando pelas cores escolhi elas para representar o seguinte, vermelho, você logo lembra para parar certo?lembro me de  Semáforo,parada total o medo toma conta do subconsciente. Laranja você fica atendo para se assegurar se vem carro ou não certo? Então ficamos atendo o tempo todo, na duvida sobre atravessar uma amizade.O Rosa, usei porque tem se um ditado popular que diz:-É tudo um mar de rosa, na fase da ilusão tudo é rosa, apaixonante.Azul  porque simboliza um ideal de um sonho, e a coragem nada mais é que o caminho da conquista deste, e em  enfim o Verde significa avançar sinal sem medo de seguir em frente, esperança e atitudes andam juntas.
Obs.Essas são minhas opiniões referentes ao amor e ao que irei descrever,não significa que seje dessa maneira a metodologia sobre essas.

 
Então seguimos, porque falar sobre a probabilidade do amor?-Bom porque é tão bom quanto tomar Coca cola trincando, é tão bom como comer chocolate sem limites, tão bom como sorvete de morango caramelado,porque simplesmente é maravilhoso dividir momentos juntos, sorrisos de alegrias e dividir pequenos detalhes que se tornam grandes ao lado de quem você ama. E a probabilidade para que isso aconteça é imensa, mais são seguidas pelo medo,duvida,ilusão,coragem e ação, sendo o medo e a dúvida as características mas fortes que leva alguém a deixar de tentar a buscar um grande amor.
Seria fácil se todas pessoas tivesse coragem o suficiente para dizer o que sente pela outra pessoa sem o medo de levar um fora, passar vergonha e até mesmo perde uma amizade, seria fácil mais como sabemos não é! Por quê? Primeiro que além de tudo perde uma amizade doe mais que perde um  grande amor, mais digo amizade mesmo de anos onde um sabe um do outro e por ai vai.
Bom, como dizia não é fácil pelo seguinte fato de nuca sabermos o que a outra pessoa sente, isso gera o medo e a duvida de aproximação entre ambos, e quando no relacionamento (amizade),um dos se ilude , cria esperança, sem respostas do outro, acaba se apaixonando , ou sofre calado, ou faz loucuras para chamar atenção de quem diz que ama, onde corre o risco também da outra pessoa ao menos percebe pelo simples fato de nunca ter dados expectativas  ou ter dito algo referente entre os dois.
A coragem é a atitude mais linda que um homem toma perante uma mulher, mais atitudes  de homem não de moleque, pois bem, assumir que está afim da pessoa não é feio, não é errado e muito menos crime, é bonito expressar seus sentimentos e dizer o que sente sem medo do que possa acontecer, isso digo para homens, porque mulher fazer isso acho feio, não se deve a não ser que você tenha certeza absoluta que o cara é afim de você e sendo ele seje tímido, ai nada contra de você tomar as atitudes. Os 5% sobra para ação porque difícil alguém tomar a frente e agir rapidamente sem temer as conseqüências, porque antes de tudo passa por um parâmetro analógico da mente até chegar à ação, as atitudes finais de assumir um relacionamento ou se posicionar a levar a amizade à frente, mais pra todas essas inicia com a ação desde o primeiro pensamento.

O amor é o estado no qual os homens têm mais probabilidades de ver as coisas tal como elas não são.



Panmela Pacheco


A ciência não pode prever o que vai acontecer. Só pode prever a probabilidade de algo acontecer.





A experiência não permite nunca atingir a certeza absoluta. Não devemos procurar obter mais que uma probabilidade.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário