terça-feira, janeiro 25, 2011

“Alfa Romeu Skoda no Volvo da vida “

Galera  acordei inspirada, e inventei um texto poema dramático, melancólico,engraçado, na verdade de tudo pouco.... Mas só lendo mesmo para você 
decifra –lo!?
É uma história narrada, e as palavras principais dele são de nosso conhecimento, Marcas e nomes de carro/ Motos.


Eu Clio meus olhos e viajo no Tempra.
Sonhando acordado com a minha Silverada,
Ela é toda na moda, toda cheia de Stilo;
Seu Eco é ir ao cabeleireiro e praticar Sport.

Quando entra em seu Fusca, parece a donzela de Ipanema,
Ela Ranger os dentes,me deixando Palio,
Nem sei como fui me apaixonar Logus de cara por ela.
O pior de tudo, é que a danada da Piruá sabe usar seus Eos.

Eu sou Ford, pelo menos de Porsche;
Porque para courier..Xiii!
É Fox !
Quantum se ama esse Tipo de Mulher.

No Passat já sonha com ela,
Em sentir seus Peugeot, e seu Shadow,
Casar em Brasília,
E morar no alto de uma Montana.
Ter dois belos Fits, a marea, e o Santana.
E Bora pegar a Strada da vida.

Elba não me Omega, e isso me Su-Falcon.
Eu Parati olho todos os dias e fico te Variant.
Uno dia estava em uma Fiesta ,
E uma Siena presenciei,
Ducato fiquei, ali mesmo em Doblô chorei.

Gritava em minha alma.
-Oh Del Rei! Quem é esse Kadett ?
Jeppinho esquisito, com um Puma na mão,
Dizendo a ela que Titan paixão, Opala fiquei
E para casa voltei.

No dia seguinte fui jogar Golf e com ela encontrei.
Meu Corola disparou e eu Toyota paralisei.
Ela me chamou do outro lado para com ela jogar,
E quando ia dizendo Vectra Logus para Ka,
Eu comecei a viajar.

Me senti um deus Apollo,
E fui com ela jogar,
Celta que ela ganharia, me propôs uma aposta,
De um sorvete a um chocolate lhe dá.

Ela me Honda,
E eu sem Focus fiquei,
Perderá um jogo,
mas meu dia já ganhei.

Voltei para casa, olhando para Saveiro,
Vi que a chave não estava, então Ferrari gritei!
Kombi pude esquecer o Niva do Corcel,
e o casamento do Voyage?

Então percebi que ela parava minha Hornet,
E do mundo me esquecia.
Voltei para campo, mas para jogar futebol,
Sozinho fiz um Gol de primeira e alegre gritava
Yamaha!

Acordei e resolvi viver minha vida.
Conheci a Suzuki
Ela mudou me da noite para o dia.

Ela era da Chana,
E achava meu mundinho meio Besta,
Nos Conhecemos pelo Twister,
E de cara já namoramos.

Nissam Moco  é seu pai,
Que tem um irmão francês Buik LaCrosse,
Sua família é uma loucura com mistura de cultura,
Mas por ela me apaixonei

Adorava Jaguar em família
Porque parte dela já me sentia.

Resolvemos entrar na Falcon,
Em Hyundai, na cidade de Lamborghini estudar
Quatro anos depois voltamos para Brasília
Eu kia casar.

Casamos de BMW.
E Land Rover fomos para Paris passar.
Tivemos lindos Fits, A Saab, e o Subaru
Moramos agora em Florianópolis e um Lacia de amor há.

Oggi vejo que no Passat,
Vivi uma fantasia, a qual pude analisar que em
Nissam vida UMM dia encontramos
O verdadeiro Astra.

Jacareí, 25 de Janeiro de 2011


Panmela Pacheco  

2 comentários: